Carro da Globo é atacado por torcedores

Mesmo sem o logotipo da Globo, torcedores palmeirenses reconheceram o carro que levava o narrador Cleber Machado na noite de quarta-feira (2) ao Allianz Parque (zona oeste da capital) e o atacaram na chegada ao estádio, local da decisão da Copa do Brasil.
Segundo relatos de pessoas que viram a cena, o pânico foi grande e por pouco não conseguiram virar o carro da TV.
Após escapar do susto, o narrador precisou se dirigir às pressas até os estúdios da emissora em São Paulo, na zona sul, para de lá narrar a final da Copa do Brasil, ao lado dos comentaristas Walter Casagrande e Caio Ribeiro.
O repórter Mauro Naves foi quem fez a entrada ao vivo no Jornal Nacional falando direto da arena palmeirense. Em situação normal quem entra é o narrador do jogo.
REVOLTA NA TV
Durante o programa Redação Sportv desta quinta-feira (3), o chefe de reportagem do canal, Fábio Seixas, deu mais detalhes sobre a confusão.
“O Cleber Machado, o Caio e o Casagrande estavam indo para transmitir a partida e eles foram impedidos de fazer a transmissão do estádio. Tiveram que voltar e fizeram da sede da TV Globo, o que é lamentável. Torcedores cercaram o carro. São três profissionais indo trabalhar, com toda a imparcialidade que eles têm, uma marca desses três personagens, e foram impedidos”, disse Seixas.
“Se coloca uma estrutura de concreto e enche de bandidos, vai ter confusão. Se pega e enche de família, vai ter um clima bacana. Ontem, tinha um clima muito legal dentro do estádio, mas pelos relatos num todo. É claro que é uma minoria, mas que causa transtornos. Não houve briga de torcidas, o que é muito legal, mas ainda há alguns idiotas no entorno do estádio que causam esse tipo de confusão”, completou.
Fonte: Uol

316 total views, 3 views today

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Paulo Gustavo

Estudante de jornalismo. E Focado nos assuntos curiosos em debates na sociedade. Reflexões são para serem reflexivas e com ar de seriedade. Atualmente estou com 24 anos e solitário, que passa maior parte do tempo lendo coisas do meu interesse e essas coisas significa livros de história, ficção e sites. Sou viciado no YouTube. Para ser mais intenso, sou portador de uma condição de nome Van der Woude, mais popularmente conhecida como Lábio Leporino. Já fiz mais de 11 cirurgias e todas até agora foi na parte da face. Provavelmente farei mais. Quero fazer da minha vida uma experiência inesquecível. Ainda não desistir de fato, não gosto de perder, essa a razão de ainda está aqui. É preciso um dia perder para ter sede de ganhar. Bom, bem vindo (a)!😙😙😙😊