Evangélica com depressão se joga de viaduto

Ninguém estar imune a ter depressão, todos podem ter. Não importa sexo, gênero, opiniões ideológicas e pessoas religiosas, todos ao nosso círculo estão sob o risco de apresentar algum tipo de depressão.

E entre os evangélicos também, exclusivamente entre os cristãos ditos evangélicos, eles não estão imunes. Seja a hierarquia, membros, obreiros e até o alto escalão da igreja que me refiro à pastores, apóstolos e bispos.

E isso é um tabu, a depressão ainda é um tabu na nossa sociedade e entre as religiões, a evangélica esse tabu é muito mais evidente.

Se você já conviveu ou frequentou uma igreja evangélica em sua vida e ouviu entre eles a doença, depressão, é bem provável que ouviu muito “Isso é coisa do inimigo, que para eles, é satanás, por causa destes comentários muitos crentes quando estão já com início de depressão preferem ficar calados, não por escolha eles ficam calados, mas por obrigação, carregam o sofrimento para si e ao Deus que creem.

Mas o desejo de um depressivo é mostrar que não está mais suportando essa dor que deixa um vazio e com o vazio dentro de si faz a depressão aumentar mais e se torna um desespero que faz pessoa a fazer loucuras em forma de socorro.

O desejo maior é ser ouvido e compreendido, mas entre a sociedade isso não interessa e assim os parentes e amigos se afastam e entre os evangélicos que sofrem com a depressão, isso deve ser bem mais difícil.

O medo é de ser como aquela adultera, levada até Jesus, para ser julgada e depois apedrejada. Sim, no ocidente, onde o cristianismo é a religião dominante, as pessoas são apedrejadas também. Em pleno século XXl isso ainda acontece, só de uma forma mais moderna. O apedrejamento que acontece entre os islâmicos até hoje que seguem ao pé da letra as leis de Moisés, também é praticado por cristãos. Só que entre os cristãos, o apedrejamento é psicólogico, pessoas com depressão são taxadas de “pecadora”, pelos próprios “irmãos” de sua congregação.

E esse tipo de apedrejamento é o mais complicado, esquecem o que o judeu e fundador do cristianismo disse, “Aquele que não tem pecado que atire a primeira pedra”.

E uma notícia que pegou muitos de surpresa no mundo Gospel, foi a atitude de uma senhora que era conhecida como uma Missionária, identificada como Maria Helena, era da igreja Assembléia de Deus e estava passando por uma depressão há muitos anos e se jogou de um viaduto.

Os sites locais relataram que a missionária estava passando por uma depressão e queria dar um ponto final aos problemas que estava enfrentando.

E isso é o que mais veremos quando pessoas que se dizem cristãos jogarem pedra para tudo que é lado em pessoas que estes consideram pecadoras. O julgamento deles não tem regra, vale para tudo, ladrões, prostitutas, homossexuais e pessoas doentes de depressão.

Por qual razão esconder um problema, se você julga tanto, então você deve ter uma solução não?

Só podemos ser contra qualquer coisa quando temos outra para solucionar, mas que essa seja uma solução que possa solucionar e não trazer mais tragédias.

Infelizmente, se os evangélicos tratarem a depressão como uma coisa exclusiva do diabo vai ter muitos casos como dessa Missionária.

Vamos acordar…?

2,339 total views, 3 views today

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Paulo Gustavo

Focado nos assuntos curiosos em debates na sociedade. Reflexões são para serem reflexivas e com ar de seriedade. Atualmente estou com 24 anos e solitário, que passa maior parte do tempo lendo coisas do meu interesse e essas coisas significa livros de história, ficção e sites. Sou viciado no YouTube. Para ser mais intenso, sou portador de uma condição de nome Van der Woude, mais popularmente conhecida como Lábio Leporino. Já fiz mais de 11 cirurgias e todas até agora foi na parte da face. Provavelmente farei mais. Quero fazer da minha vida uma experiência inesquecível. Ainda não desistir de fato, não gosto de perder, essa a razão de ainda está aqui. É preciso um dia perder para ter sede de ganhar. Bom, bem vindo (a)!😙😙😙😊