Número de abortos cai nos Estados Unidos

O Guttmacher Institute divulgou esta semana uma pesquisa que mostra a redução do número de abortos nos EUA, país onde desde 1973 está garantido a interrupção da gravidez sempre que a gestante assim preferir.

Enquanto vários estados tentam restringir a realização do aborto e outros tentam ampliar o tempo para que a gestante possa abortar a qualquer momento dentro dos nove meses da gestação, as norte-americanas se interessam cada vez menos pela prática.

“As taxas de aborto foram reduzidas em quase todos os Estados e não há evidência ligando esse declínio às novas restrições”, disse Elizabeth Nash, gerente de políticas de Estado do instituto.

A instituição, que apoia a interrupção da gravidez, realiza pesquisas periodicamente sobre o assunto e notou que em 2017 foram realizados 862 mil abortos, cerca de 200 mil a menos que o número registrado em 2011.

Segundo o estudo, a taxa de aborto caiu de 16,9 em 2011 para 13,5 em 2017, segundo que esses números representam o número de abortos a cada mil mulheres em idade reprodutiva, sendo esta a menor desde que o aborto se tornou legal em todo o país em 1973.

Uma das razões para a queda do número de abortos seria o fato das norte-americanas estarem utilizando mais os métodos contraceptivos, principalmente implantes intrauterinos que passaram a ser fornecidos pelos planos de saúde (através do Obamacare). Com menos mulheres engravidando, o número de abortos também está caindo.

Contrários às leis restritivas ao aborto, Nash declara que elas não possuem nenhuma ligação com essa queda dos números. “Se as leis restritivas fossem o principal vetor nesse caso, deveria haver alta nos nascimentos”, disse ela.

Mas é preciso esclarecer que a pesquisa usa dados de 2017 e que as leis que restringem a prática do aborto começou a ser implantada em 2018 com adesão de estados em 2019, logo, ainda não é possível prever o quanto elas impactarão esses números.


327 total views, 6 views today

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Paulo Gustavo

Estudante de jornalismo. E Focado nos assuntos curiosos em debates na sociedade. Reflexões são para serem reflexivas e com ar de seriedade. Atualmente estou com 24 anos e solitário, que passa maior parte do tempo lendo coisas do meu interesse e essas coisas significa livros de história, ficção e sites. Sou viciado no YouTube. Para ser mais intenso, sou portador de uma condição de nome Van der Woude, mais popularmente conhecida como Lábio Leporino. Já fiz mais de 11 cirurgias e todas até agora foi na parte da face. Provavelmente farei mais. Quero fazer da minha vida uma experiência inesquecível. Ainda não desistir de fato, não gosto de perder, essa a razão de ainda está aqui. É preciso um dia perder para ter sede de ganhar. Bom, bem vindo (a)!