Candidato de direita vence as eleições presidencial do Uruguai

Daniel Martínez, candidato governista no Uruguai, acaba de reconhecer a derrota na eleição presidencial.

Em uma mensagem no Twitter, Martínez parabenizou o oposicionista Luis Lacalle Pou, de centro-direita, que será o próximo presidente do país.

O vice-presidente da Corte Eleitoral, Wilfredo Penco, disse à agência Efe que o órgão “não faz cálculos” e que não proclamará o presidente “até que a última urna seja aberta”. Porém, como a diferença entre Lacalle Pou e o candidato da Frente Ampla, de esquerda, Daniel Martínez, vinha aumentando, ficou claro que este já não conseguiria reverter a derrota.

“A evolução da contagem dos votos observados não modifica a tendência. Portanto, saudamos o presidente eleito, Luis Lacalle Pou, com quem terei uma reunião amanhã”, tuitou Martínez.

“Seguiremos defendendo a democracia com mais força do que nunca”, completou.

Também no Twitter, Lacalle Pou compartilhou uma mensagem do Partido Nacional que o apresenta como novo presidente do país.

É isso mesmo, Lacalle Pou vence as eleições e põe fim a 15 anos de governo de esquerda no Uruguai.



213 total views, 6 views today

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

(Visited 2 times, 1 visits today)

Paulo Gustavo

Estudante de jornalismo. E Focado nos assuntos curiosos em debates na sociedade. Reflexões são para serem reflexivas e com ar de seriedade. Atualmente estou com 24 anos e solitário, que passa maior parte do tempo lendo coisas do meu interesse e essas coisas significa livros de história, ficção e sites. Sou viciado no YouTube. Para ser mais intenso, sou portador de uma condição de nome Van der Woude, mais popularmente conhecida como Lábio Leporino. Já fiz mais de 11 cirurgias e todas até agora foi na parte da face. Provavelmente farei mais. Quero fazer da minha vida uma experiência inesquecível. Ainda não desistir de fato, não gosto de perder, essa a razão de ainda está aqui. É preciso um dia perder para ter sede de ganhar. Bom, bem vindo (a)!