Bandeira vermelha que simboliza “Vingança sangrenta” é hasteada pela primeira vez em Mesquita no Irã

A bandeira foi erguida na cúpula sagrada da mesquita de Jamkaran

 586 total views,  2 views today

0
(0)

A bandeira vermelha, que simboliza vingança, foi asteada sobre a cúpula sagrada da mesquita de Jamkaranm Qom Irã. 

Na tradição, as bandeiras vermelhas simbolizam a necessidade de uma vingança sangrenta.

A bandeira é muito utilizada no Irã durante o mês do Moharram (mês do luto, que terminou no último dia 29 de setembro), seja ela hasteada em mesquitas, ou utilizada em procissões. A mesma bandeira foi vista nas ruas de Teerã na última segunda-feira durante uma homenagem pública a Soleimani, sem necessariamente ter uma conotação de vingança.

“Devido ao martírio […] do general Qassem Soleimani e de seus camaradas, e após escutarmos a mensagem dos guias supremos pedindo uma vingança dura, nós instalamos esta bandeira para que todos os fiéis [xiitas] pelo mundo, assim como todos os combatentes da liberdade, se reúnam sob esta bandeira para vingar o sangue injustamente derramado de Qassem Soleimani, que nós consideramos como um dos melhores companheiros do imã oculto”, explicou Hossein Abadi à AFP. 

 587 total views,  3 views today

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Average rating 0 / 5. Vote count: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

(Visited 126 times, 1 visits today)

Paulo Gustavo

Estudante de jornalismo. E Focado nos assuntos curiosos em debates na sociedade. Reflexões são para serem reflexivas e com ar de seriedade. Atualmente estou com 24 anos e solitário, que passa maior parte do tempo lendo coisas do meu interesse e essas coisas significa livros de história, ficção e sites. Sou viciado no YouTube. Para ser mais intenso, sou portador de uma condição de nome Van der Woude, mais popularmente conhecida como Lábio Leporino. Já fiz mais de 11 cirurgias e todas até agora foi na parte da face. Provavelmente farei mais. Quero fazer da minha vida uma experiência inesquecível. Ainda não desistir de fato, não gosto de perder, essa a razão de ainda está aqui. É preciso um dia perder para ter sede de ganhar. Bom, bem vindo (a)!

Next Post

"Qualquer um que tentar nos atacar vai sofrer um golpe devastador”, diz primeiro Ministro de Israel

qua jan 8 , 2020
Netanyahu adverte quem ousar atacar Israel