0
(0)

Sérgio Moro afirma que deixa o Ministério da Justiça “houve uma insistência do presidente para a troca do diretor da Polícia Federal.”

Segundo Sérgio Moro, há uma interferência política com a troca do diretor da Polícia Federal. Ainda diz que mesmo na lava Jato com todos os problemas de corrupção, não houve essa interferência.

O Ministro disse que o “Governo do PT teve inúmeros problemas de corrupção, mas a Polícia Federal sempre teve autonomia”

Sérgio Moro disse que insistiu para Bolsonaro que se troca-se que fosse com um da indicação dele (de Sérgio Moro), mas ele não obteve resposta satisfatória.

Sérgio Moro: “O grande problema não é quem entra, mas por qual motivo entra”

O ministro afirma que ficou sabendo da exoneração através do Diário Oficial. E diz que não assinou. “Fui surpreendido, ofendido”. “O presidente não me quer no cargo. Me quer realmente fora do cargo”

Sérgio Moro afirma que teve muitas divergências com Bolsonaro, mas que pretende não dizer todas.

“Seria um tiro na Lava Jato se na época troca-se os diretores e agentes”

“O presidente indica o diretor, mas ele fez um compromisso comigo que seria uma escolha técnica. Não posso concordar com a escolha do presidente”

Sérgio Moro lamenta a decisão do presidente.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Como você achou esse post útil...

Sigam nossas mídias sociais

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Mostre o que achou sobre esse post publicando seu comentário